O Colégio de Nª Srª da Graça, em Vila Nova de Milfontes

O Instituto de Nª Srª de Fátima/Colégio de Nª Srª da Graça, em vila Nova de Milfontes, iniciou naturalmente o 3.º período oferendo computadores portáteis a 68 alunos e com aulas à distância em pleno funcionamento

 

Dentro do contexto vivido de Pandemia, que passou a impossibilitar os alunos de frequentarem as aulas num regime presencial, e tendo em vista a preparação do 3.º período em pleno, com uma proposta de um ensino de qualidade à distância, o Instituto de Nª srª de Fátima, instituição proprietária do Colégio de Nª Srª da Graça, em Vila Nova de Milfontes lançou, nos últimos dias de Março, uma campanha de angariação fundos para adquirir 65 computadores para os alunos com mais necessidades e cujos pais/encarregados de educação não tivessem possibilidades de os comprar.

Passaram três semanas, e o objectivo foi alcançado com uma resposta solidária e rápida de empresas e pessoas singulares que corresponderam, possibilitando que todos os alunos estejam a frequentar em pleno o ensino de qualidade a que o Colégio de Nª Srª da Graça, escola católica, se propõe nos seus objectivos, sobretudo tudo fazendo para que todos os seus alunos possam em igualdade de oportunidades se qualificarem para integrarem na sociedade, como adultos, com uma sólida formação humana integral, tendo como base os valores cristãos católicos.

Finalizada a campanha, no final da primeira semana do 3.º período duas realidades são certas: a primeira, é que 68 alunos (adolescentes e jovens), entre um misto de brilho cintilante nos olhos e pulos de surpresa e contagiante alegria, receberam um como oferta computador portátil e internet móvel 4g gratuita (até ao final do ano lectivo); a segunda, e igualmente importante, todos participam assiduamente e estão bastante empenhados nas aulas à distância e nos trabalhos propostos pelos professores.

Também estes, os professores, certamente que não só os do Colégio de Nª Srª da Graça, de Vila Nova de Milfontes, mas todos, são verdadeiros heróis: muito rapidamente se adaptaram a uma nova forma de ensinar, com novos métodos e plataformas das quais não estavam familiarizados, e com toda a certeza exigindo muito esforço e sacrifício pessoal para que aos adolescentes e jovens não lhes faltasse o que é seu por direito: a educação/ensino com qualidade e que os qualifique para o dia de amanhã.

A bem da verdade, toda a sociedade civil se moveu, mostrando que acredita que pode não só fazer a diferença, mas que mesmo em tempos de crise pode superar as dificuldades e fazer surgir algo de bom.

Que conclusões poderemos tirar deste tempo de pandemia que ainda vivemos e viveremos: tudo e todos nós podem surpreender pelo bem: alunos, porque sentem que há quem olhe para eles com esperança e como tal se empenha no seu sucesso escolar académico; professores, pelo trabalho em equipa ajudando-se uns aos outros para poderem exercer a sua missão de ensinar; sociedade civil, porque, nos momentos mais difíceis, surpreende pela grande generosidade em favor do bem comum.

Em jeito de atalho de foice, pode ser consultado no site dos Colégio (www.colegionsgraca.com.pt ) o nome das empresas que contribuíram para o sucesso desta campanha e mais, para o sucesso dos adolescentes e jovens alunos.

 

A todos um grande bem-hajam!!!

Pe. Manuel Pato

www.colegionsgraca.com.pt

 

Newsletter

Subscreva a nossa newsletter e esteja a par de todas as novidades!


Apontadores